AS CONTRIBUIÇÕES CIENTÍFICAS DEIXADAS PELO ISLÃ

O desenvolvimento científico Islâmico provém de um êxito militar avassalador. Na Alta idade Média os exércitos islâmicos adentraram não só na Europa, como também em territórios do oriente, após a morte de Maomé e a expansão do islã nos séculos VII e VIII. As mais variadas culturas que iam encontrando pela frente eram assimilada e traduzidas para o árabe, sendo os islamicos responsáveis, por exemplo, pela tradução de filósofos gregos para o ocidente. Como se já não bastasse, o sistema numérico ocidental foi para sempre modificado com a utilização do 0 e de numerais, ao invés das incômodas letras romanas, o que agiliza a lida com questões matemáticas.

«Devemos à civilização islâmica a preservação dos escritos clássicos e a sua transmissão posterior ao Ocidente renascentista. Mas não só. Conhecem-se ainda mal as possíveis fontes de origem islâmica de Francisco Maurolico, Pedro Nunes, Nicolau Copérnico e de outros homens da ciência europeia. Mas as contribuições da ciência árabe no campo das matemáticas, das ciências náuticas e da astronomia deixaram marcas indeléveis. Basta pronunciar a palavra “álgebra”, por exemplo».

Ambiente de estudos matemáticos e astronômicos em domínios islâmicos na Idade Média
Equações matemáticas em árabe.
Instrumento utilizado na observação dos movimentos executados pelos astros. Astrolábio
Astrolábio.
Os árabes desenvolviam e se utilizavam dos seus instrumentos para observar os astros.





Um comentário sobre “AS CONTRIBUIÇÕES CIENTÍFICAS DEIXADAS PELO ISLÃ

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s