Revolução Russa parteI: declínio do czarismo

Olá meus queridos, que tal aprendermos um pouco sobre a história da Rússia. Nosso objetivo maior é estudar a Revolução Bolchevique de 1917, mas para isso proponho a divisão do tema em três partes. Na primeira nos dedicaremos a aprender um pouco sobre a Rússia Czarista, na segunda parte abordaremos as revoluções de 1917 e na terceira parte proponho acompanharmos a formação da URSS até a morte de Lenin e ascensão de Stálin. Claro que tudo pode acontecer até eu terminar de fazer todo o post, mas até lá, esse será nosso planejamento.

A Rússia Czarista era um imenso Império, que se estendia do leste da Europa, percorrendo toda a Ásia e chegando à América do Norte e do Mar Ártico ao Afeganistão, Mongólia e Irã ao sul. Este extenso e populoso Império era comandado desde seu surgimento pela dinastia Romanov, os monarcas provenientes dessa família eram chamados de Czar ou Tsar.

Pedro I, o grande
CatarinaII, a grande

Durante o século XVIII, desde Pedro até Catarina, a Grande, os czares tentaram modernizar a Rússia, estimulando crescimento comercial e industrial. Durante o século XIX, porém, esse Império se configura como potência ultraconservadora, desempenhando papel de “vanguarda da contrarrevolução” na Europa.

O governo de Nicolau I foi o que mais contribuiu para esse atraso russo. Ele desenvolveu uma eficiente polícia política, praticou vários tipos de censura (nas escolas, universidades, nas artes, à imprensa), reprimiu brutalmente qualquer tentativa de emancipação dos servos, prendeu e condenou à morte todos que se opusessem ao Czar. A celebração do atraso acabou apenas devido a humilhante derrota na Guerra da Criméia em 1855.

Os sucessores de Nicolau, até tentaram modernizar o Império: Alexandre II acabou oficialmente com a servidão; Alexandre III fez o possível para atrair capitais estrangeiros, afim de industrializar o país. Entretanto, a situação dos servos mudou muito pouco e a industrialização restringiu-se a poucas cidades.

Assim, enquanto os países ocidentais passavam por intensa industrialização, os russos permaneciam com a economia predominantemente rural, governados por uma autocracia absolutista e organizados em uma sociedade estamental ao modo do Antigo Regime: uma minoria de nobres eram proprietários de terras, nesse grupo recrutavam-se os oficiais que ocupariam os postos de comando do Exército, do Estado e o alto clero da Igreja Ortodoxa. No outro pólo social estava a maioria da população explorada como servos. Enfim, na Rússia Czarista quase não havia mobilidade social.

NicolauII

O governo de Nicolau II começou em 1894, e foi a derrocada do czarismo. Em 1905 a Rússia se envolve num conflito com o Império Japonês, as privações causadas pela guerra desencadearam uma onda de revolta em Petersburgo. O povo queria levar uma petição ao seu paizinho czar, buscando sua proteção. A repressão violenta contra a população desarmada, que ficou conhecida como Domingo Sangrento, acabou com o imaginário popular do czar protetor e desencadeou uma onda ainda maior de greves e revoltas com especial destaque para a insurreição do encouraçado Potemkim (você já viu o filme produzido por Eisenstein? Que tal uma sessão com os amigos?). Essa situação levou à derrota dos russos na Guerra Russo-Japonesa e obrigou o czar a programar medidas liberalizantes (como a formação de uma Duma e a elaboração de uma constituição), para conter a insatisfação popular.

Representação do massacre do Domingo Sangrento

É desnecessário dizer que Nicolau II não pretendia cumprir suas promessas, e, assim que conseguiu desarticular as manifestações e reorganizar as forças repressivas, recuou em suas propostas. De tal forma que em 1914 a Rússia estava às portas de outra crise política e social, que foi desarticulada graças à iminência da grane Guerra e ao patriotismo das massas populares.

Revolução Russa Parte II

Revolução Russa Parte III

2 comentários sobre “Revolução Russa parteI: declínio do czarismo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s