O mito do Minotauro e a sociedade cretense

A ilha de Creta guarda seus encantos e histórias que remetem a formação da civilização grega, sendo depositária de um importante legado histórico que ultrapassa o final do terceiro milênio antes de cristo.

Os cretenses tiveram bastante contato com o Egito faraônico, o que acabou sendo fundamental para a difusão da cultura egípcia na porção oriental do Mar Mediterrâneo. Utilizavam um tipo de escrita hieroglífica até hoje indecifrável pelos pesquisadores, o que acaba tornando o mundo desses homens ainda mais intrigante e misterioso.

Ilha de Creta.

A principal cidade da ilha era Cnossos, um centro administrativo marcado por palácios e monumentos que expressam sua importância. Em meados do 2.000 a.c.  a sociedade cretense conheceu o apogeu de seu poder marítimo na região, conhecido como Telassocracia minoense.

A imponência dos palácios cretenses admirou os gregos, que registraram a glória de Creta através da história do Minotauro. A lenda remete a história do rei Minus que vingou a morte prematura de seu filho Andrógeo, na região Ática, passando a cobrar como impostos sete meninos e sete meninas atenienses, que eram oferecidas ao Minotauro, de tempos em tempos.

 

Escultura representando o Minotauro, do escultor Mirón (480-440 a.C).

O Minotauro era um monstro, meio homem, meio toro, que alimentava-se desses mimos concedidos pelo rei Minus. Vivia dentro do labirinto, cheio de caminhos, fazendo clara referência aos imensos palácios de Cnossos. Esse monstro acabou vencido por um herói grego, Teseu, que não só matou o Minotauro, como conseguiu encontrar a saída do labirinto. Para tal feito glorioso, Teseu amarrou a ponta de um novelo na porta da entrada e foi desenrolando, para depois saber o caminho de volta.

Creta, assim como outras ilhas do Mar Egeu, sofreram a destruição de suas cidades por volta do século XV a.c., por razões ainda indecifráveis para os estudiosos.

Autora: Bárbara Tostes
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s